Transformação Digital

7 clássicos sobre literatura infantil

literatura infantil

A literatura infantil é extremamente importante, afinal ela ajuda a criança a se desenvolver, compreender sobre temas mais complicados, entender a própria realidade, aprender novas palavras e ainda descobrir o fascínio pela leitura.

Por isso, é sempre muito recomendado que os pais comecem a ler para as crianças desde cedo, estimulando esse hábito. Além de todos os benefícios que a literatura pode trazer, não tem nada melhor do que estreitar os laços entre pais e filhos com uma bela tarde de leitura ou lendo aquela história bacana antes de dormir, não é mesmo?

Se você está em busca de sugestões de obras para crianças, continue a leitura e conheça clássicos imperdíveis para ter na sua coleção. Caso deseje outras dicas, recomendo fortemente a leitura do blog Bagagem de Mãe, com um conteúdo completo sobre a literatura infantil!

  1. O Pequeno Príncipe (Antoine de Saint-Exupéry)

Não tinha como bolar uma lista de clássicos do universo infantil sem citar O Pequeno Príncipe. Afinal, o menino de cabelos dourados que veio de outro planeta é reconhecidamente uma das histórias mais inspiradoras de todo o mundo, com tradução para mais de 200 línguas.

Ainda que muitos digam que essa não é uma história propriamente infantil (já que vários dos seus aprendizados apenas conseguimos absorver mais velhos), ela com certeza ensinará muitas coisas às crianças, em especial sobre amizade. E, se você for ler para o seu filho, aproveite para se inspirar com a narrativa de Antoine de Saint-Exupéry.

  1. Reinações de Narizinho (Monteiro Lobato)

A literatura infantil brasileira também possui vários clássicos, e as histórias do Sítio do Pica Pau Amarelo com certeza são as mais conhecidas – atravessando e encantando diversas gerações.

Publicado em 1931, Reinações de Narizinho é um ótimo livro para ler com as crianças, cheio de personagens mágicos e bastante polêmicos. Aproveite para conversar sobre as histórias e adentrar nesse universo mágico.

  1. A Bolsa Amarela (Lygia Bojunga)

Outro clássico da nossa literatura, A Bolsa Amarela aborda as vontades de Raquel. A menina, basicamente, tem três desejos bem distintos, que são: crescer, se tornar um menino e escrever.

Sem saber como lidar com essas vontades, a garota resolve colocar todas elas em uma bolsa amarela que ganhou da sua tia. Mas, como todas as nossas vontade, as de Raquel não param de crescer e o espaço para elas acaba ficando pequeno.

  1. Alice no País das Maravilhas (Lewis Carroll)

Esse é um daqueles clássicos da literatura infantil que superam todas as expectativas, sendo transformado em diversos filmes, desenhos animados, peças de teatro e muito mais.

Publicada pela primeira vez em 1865, a história de Lewis Carroll continua surpreendendo os mais novos até hoje. Alice, uma garota bem curiosa, um belo dia cai em uma toca de coelho e acaba sendo transportada a um mundo estranho, com personagens absurdos e muitas surpresas.

  1. O Gênio do Crime (João Carlos Marinho)

Para as crianças um pouco maiores, o Gênio do Crime é uma excelente recomendação. A história se passa com o grupo de crianças: Edmundo, Pituca, Bolachão e Berenice e uma saga para colecionar um álbum de figurinhas que envolverá uma quadrilha de falsificadores e, claro, um grande gênio do crime.

Cheio de reviravoltas e muita adrenalina, a escrita ágil de João Carlos Marinho vai agradar a criançada e trazer muitas lembranças aos pais das delícias da infância.

  1. A Bruxinha Atrapalhada (Eva Furnari)

A Bruxinha é, sem sombra de dúvidas, uma das personagens mais cativantes do universo da literatura infantil. O grande diferencial do livro é que ele não usa palavras, apenas imagens.

Assim, as crianças podem criar seus próprios diálogos, imaginando as dez historinhas que formam o livro. É uma ótima ideia para as crianças em fase de alfabetização, além de ser um super estímulo à criatividade.

  1. A vida íntima de Laura (Clarice Lispector)

Clarice Lispector é um dos principais nomes da literatura brasileira, reconhecida por suas histórias herméticas. Mas, o que poucas pessoas sabem, é que ela também escreveu literatura infantil.

Nessa obra, Laura é uma galinha de pescoço feio cheia de pensamentos e sentimentos. Como todas as histórias de Clarice, aqui também temos uma internalização das personagens que descobrem um universo muito mais profundo.

É claro que, além destes, existem muitos outros títulos imperdíveis da literatura infantil. E tudo dependerá da idade da criança e dos gostos que ela possui.

Curtiu a nossa seleção? Então compartilhe essas dicas de leitura com os seus amigos nas suas redes sociais!

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *